Viatura já está nas mãos da ADRL

Governo já repôs carro destruído no combate aos incêndios

Ed651_ADRLTardou, mas, mais de meio ano depois, a viatura dos Sapadores Florestais da ADRL que foi destruída, quando combatia um incêndio no passado Verão, já foi reposta no passado dia 5 de março. Uma boa notícia para uma equipa que via o seu trabalho dificultado com apenas um carro.

Os sapadores da ADRL já têm uma nova carrinha, uma ferramenta imprescindível para desempenhar o seu trabalho. Como refere José Manuel Santos, em declarações à Gazeta da Beira, “finalmente conseguimos obter a carrinha, esta era uma situação que já era insustentável para a ADRL, os sapadores tinham que usar os seus carros particulares para poderem desenvolver o seu serviço”.

Para além da viatura, no incêndio foram, também, queimados alguns equipamentos, os quais não vão ser ressarcidos. Como lamenta o técnico da Associação; “quando ardeu a viatura, não foi só a carrinha que ardeu, arderam, também, alguns equipamentos de trabalho que estavam incorporados na viatura, mas vai ter que ser a ADRL a assumir estas despesas.”

Este impasse já decorria há mais de meio ano. A viatura foi destruída no passado verão, no dia 23 de agosto, quando os sapadores combatiam o incêndio que deflagrou na freguesia de Queirã. Esta foi uma situação que  mobilizou a opinião pública e os partidos políticos. Recorde-se que o Bloco de Esquerda, aquando da visita da eurodeputada, Marisa Matias, questionou a Assembleia da República e o Ministério da Agricultura sobre a situação.

• Redação

Redação Gazeta da Beira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.