Vetement Chaussure chaussure femme vetement chaussures femme lunette de soleil oakley Taschen nike free run femme lunette de soleil adidas yeezy puma chaussure Chaussure asics adidas superstar chaussure new balance schmuck adidas femme nike air force Chaussure adidas chaussures de sport chaussure converse
cialis generika kamagra australia cialis bestellen levitra generika viagra online kaufen kamagra bestellen cialis generika kamagra oral jelly kamagra 100mg prix cialis cialis generique kamagra gel kamagra bestellen viagra bestellen kamagra oral jelly levitra kopen
Viagra Super Active Viagra Generisk Cialis Gel Generisk Levitra cialis pris Kamagra Gel Viagra Soft kamagra oral jelly cialis generisk viagra online viagra online Generisk Viagra Cialis Online Kvinnor Cialis Generisk Cialis Kvinnor Viagra Cialis Super Active Cialis soft viagra apoteket Kamagra Cialis Soft Viagra sverige Kamagra Online
viagra Levitra Soft Tabs Kamagra Fizzy Tabs Acquistare Viagra Soft Tabs Viagra Generic Test Pacchetti Originale Acquistare Levitra Strips Il brevetto Viagra Cialis e Super Kamagra Acquistare Cialis Strips Viagra Pastiglie Viagra e Disfunzione Erettile priligy dapoxetina generico Kamagra 100 Cialis online Levitra Generico Domande e Risposte sul Viagra Test pacchetti Propecia generico Acquistare Cialis Soft Tabs Viagra e generici Levitra Cialis Generico Lovegra Super Kamagra Viagra femminile Acquistare Test Pacchetto Generico LIDA Dai dai hua Cialis Pastiglie Acquistare Super Kamagra Cialis Generico Viagra online

S. Felix SPS

Ed. 724 (28/09/2017)

São Félix

• A. M. Almeida

A IMPORTÂNCIA DAS ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS

É com satisfação que leio os periódicos da minha região e tomo conhecimento das benfeitorias que vão sendo levadas a cabo nas aldeias/povos do concelho de S. Pedro do Sul. Das últimas notícias que tive oportunidade de ler, retive e não posso deixar de considerar positiva a pavimentação e realização de outras melhorias em Pindelo dos Milagres, na estrada de ligação daquela localidade à A 24; é igualmente positiva a requalificação do Largo de Rio de Mel, porque representa uma melhoria na qualidade de vida e bem-estar da população; é ainda positivo que se proceda ao alargamento da estrada de Arcozelo, porque vai oferecer melhores condições de circulação aos seus utilizadores. Positivas são, pois, todas as obras e benfeitorias que proporcionem melhor qualidade de vida às populações, defendam o ambiente e a saúde pública.

Porém, entendo que quando se faz o planeamento das obras a desenvolver, é imperativo que se faça também uma avaliação prévia das necessidades das populações de todo o concelho (incluindo aquelas que ficam ali mesmo às portas da cidade) e, depois, começar pelas que visam a satisfação das suas necessidades mais básicas. Elas  estão consagradas na constituição e normalmente até são “bandeira” nas campanhas eleitorais. Mas depois são esquecidas ou desenvolvidas de acordo com critérios pouco claros (porque há certamente critérios, nomeadamente para estabelecer prioridades e/ou satisfazer clientelas politicas ou de outra natureza).

O que acabo de referir prende-se com o que considero falta de critério (ou critérios de natureza duvidosa) no desenvolvimento do concelho, porque se assim não fosse a freguesia de S. Félix já teria sido contemplada com o abastecimento de água ao domicilio e com o saneamento básico por forma a melhorar a qualidade de vida e bem-estar dos seus habitantes, bem como a cuidar do meio ambiente e da saúde pública das populações (residentes e visitantes).

Já agora, um breve comentário ao facto do candidato do PSD ter ficado tão chocado com a questão que respeita à redução do IRS para os Sampedrenses. Não me parece que seja motivo para tanto espanto, porque, também ele, aponta para uma falsa expectativa ao “propor” que o valor a reduzir no IRS seja aplicado na redução do preço da água. O candidato esqueceu-se que, tal como infelizmente há um conjunto de Sampedrenses que não paga IRS, também existe um conjunto muito alargado de Sampedrenses que nem sequer tem água ao domicilio!

É a demagogia no seu melhor (ou pior?), o que não surpreende em campanhas eleitorais. É bom ouvir que S. Pedro do Sul “está na moda”, desde que seja por boas razões. Mas convém não esquecer que ainda há muitas razões para se afirmar que em S.P.S. continua a haver populações que são obrigadas a viver “à moda antiga”.

É na escolha dos Sampedrenses que pode estar a melhoria desejada. Os candidatos que se perfilam devem ser avaliados pelo que fizeram, mas também pelo que não fizeram. Alguns já tiveram oportunidade de mostrar a sua capacidade (não pretendo referir-me a ninguém em especial); outros esperam essa oportunidade. Será agora?

———————————————————————————————————————

Site_SFelix_HenriqueRSilva

São Félix (Henrique Rodrigues da Silva)

 

Ed. 722 (27/07/2017)

Festa do Padroeiro

Celebrou-se no dia 26 de Agosto pelas 17 horas a festa do padroeiro São Félix.

Celebrou a santa missa o Sr. Padre Lindoval e cantou a santa missa a banda filarmónica de Moçâmedes do concelho de Vouzela, acompanhou também a procissão ao cruzeiro e como é costume da terra integraram os respectivos andores, o Padroeiro e a Nossa Senhora do Rosário de Fátima, os dois muitos bem enfeitados. A banda acompanhou a dita procissão com as músicas alusivas ao evento. No final da cerimónia a dita banda deu um concerto no adro da igreja e foi muito aplaudida pelos presentes e quem não gosta deste tipo de música também aplaude.

Assistiram a estas cerimónias muitos paroquianos e muitos emigrantes que se encontram nestes meses de férias e eram muitos.

Estão de parabéns os mordomos que nos propuseram este magnifico evento que é a festa do nosso padroeiro.

 

Melhoramentos

A junta de freguesia para dar a despedida dos seus três mandatos mandou arranjar os passeios do cemitério paroquial retirando as pedras de granito que lá estavam substituindo-as por outras, já usadas, que trouxeram dos passeios  da cidade. Eu pergunto, se elas não serviram para os passeios da cidade de São Pedro do Sul e serviram para colocar num cemitério, o que fizeram às que lá estavam que eram de granito? Responda quem quiser.

 

Festas e Romarias

Arraial que era costume ser feito no Sobreiro em Sacados no último domingo de Julho, dia da Romaria do São Macário na freguesia de Sul e de São Martinho das Moitas. Esta romaria muito concorrida pelos forasteiros que a aproveitam para se deslocarem lá para ver o nascer do sol, visto ser tradição desta romaria, até da festa religiosa também foi transformada numa feira campal.

 

Doentes

Esteve internado no Hospital S. Teotónio em Viseu cerca de um mês o Sr. António Martins de Sacados, São Félix, onde foi submetido a uma intervenção cirúrgica um bocado melindrosa, mas felizmente correu tudo bem e já se encontra em convalescença na sua residência. Desejamos-lhe ótimas melhoras são os meus votos sinceros.

 

Autarquias

Já é conhecida a lista do Partido Socialista à Assembleia e o seu programa da freguesia de S. Félix é assim constituída,

Cabeça de lista Sr. Martinho dos Santos Potencio, Sra. Elezabete Mendes, Sr. Nuno dos Santos Esteves, Sr. Carlos Rodrigues, Sr. José Gonçalves, Sra. Patrícia, Sr. José Augusto Rocha, Sra. Laurinda dos Santos Moita, Sr. Benjamim Augusto, Sr. Augusto de Oliveira, Sra. Daniela Fonseca, Sr. Emanuel Martins, Sr. Carlos Almeida, Sr. Alexandre Figueiral e Sr. Henrique Rodrigues da Silva.

Propõem-se cumprir este programa – Por São Félix, mudar de atitude

Mudar de atitude? Sim, mudar o relacionamento institucional com a Câmara Municipal, a paróquia e outras instituições instaladas no concelho.

Mudar de atitude? Sim, na única promessa que fazemos, não fazer promessas mas fazer o possível para que tudo possa melhorar na freguesia.

Mudar de atitude? Sim, esclarecendo de forma clara e precisa os nossos habitantes de todos os projectos e das contas da nossa freguesia (o que gasta, onde se gasta e como se gasta), assim como da dotação financeira da junta sem olhar a conveniências de certos interesses.

Mudar de atitude? Sim, tratar igualmente todos os habitantes sem ter em conta o seu estatuto político, religioso ou social, tratar todos de uma só forma, com respeito e dignidade.

Mudar de atitude? Sim, trabalhar com esforço, honestidade e rigor.

Mudar de atitude? Sim, ter uma atenção mais acurada para com a limpeza de estradas, ruas e caminhos públicos, procurando para issouma maios colaboração com a Câmara Municipal.

Mudar de atitude? Sim, com transparência.

 

Candidatos à Assembleia de freguesia de São Félix do Partido Social Democrata

São os seguintes, Sr. Luis Carlos Henriques Figueiral, Sr. Ricardo Jorge de Paiva Cardoso, Sra. Paula Cristina Figueiredo Regada, Sr. Álvaro José Ferreira Esteves, Sra. Inês Ferreira Dias e Sr. Márcio Andersen Ramos Figueiredo.

—————————————————————————————————————

Ed. 722 (27/07/2017)

São Félix

• A. M. Almeida
S. FÉLIX – Em pleno Século XXI, a dois quilómetros da cidade de S. Pedro do Sul, a freguesia não dispõe de água ao domicilio nem de saneamento básico!!!
• A.M. Almeida

Uma das razões, que não a principal, que me levou a escrever sobre a minha terra, foi a sistemática ausência de notícias ou qualquer referência a S. Félix nos jornais da região e de que sou assinante. A freguesia está esquecida, parece que não existe.

Como diz o ditado “quem não é visto não é lembrado”. Por isso decidi procurar que, de alguma forma e por razões sobejamente pertinentes, S. Félix também apareça pelo menos na imprensa regional. Tenho que agradecer, à Gazeta da Beira e ao Notícias de Lafões, o facto de permitirem que dê a conhecer a minha opinião sobre assuntos que interessam à freguesia.

Curiosamente, também o “Noticias de Lafões” de 22 de junho findo publicou um artigo – “S. Félix, uma freguesia de olho na cidade” -, com a assinatura de Carlos Rodrigues. Trata-se dum testemunho histórico, muito bem escrito, interessante e que tem a virtude de dar mais algum merecido destaque à freguesia, um dos objectivos que acima refiro e prossigo, pelo que não posso deixar de manifestar a minha satisfação e gratidão pelo excelente trabalho produzido. Parabéns.

Afinal, apesar de pequena, existem muitas e boas razões para que seja dispensada outra atenção à freguesia de S. Félix, para que passe a ser tratada como merece e deixar de ser ostracizada como tem sido ao longo dos tempos. Recordo que as localidades que compõem a freguesia foram das últimas a beneficiar do fornecimento de energia eléctrica. Os seus moradores estiveram, durante muito tempo, privados deste bem de primeira necessidade quando a maioria das freguesias do concelho já dele dispunham. Agora, em pleno século XXI, continuamos marginalizados, sem distribuição de água ao domicílio nem saneamento básico. Esta é a principal razão que me leva a escrever sobre a minha terra. É, e será, o meu cavalo de batalha.

Vamos, muito proximamente, ter eleições autárquicas. Seria bom que os candidatos, independentemente da sua cor politica – incluindo os apelidados de  “camaleões” -, assumissem desde já o compromisso de olharem para esta situação que, por não satisfazer os direitos constitucionais dos cidadãos, não abona nada a favor dos eleitos. Pergunto: o que é que foi feito nos últimos 20 anos na freguesia em benefício dos seus moradores (vivos)?

Os habitantes de S. Félix – todos – merecem mais, muito mais. E o lugar do Entroncamento que é muito importante – sempre foi, pelo menos ao longo das últimas décadas – pelas actividades lá instaladas, necessita com urgência do fornecimento de água e de saneamento básico sem os quais corre o risco de perder capacidade de resposta, sobretudo ao nível da oferta de que dispõe na área da restauração.

Amigos, conterrâneos. Vamos todos pugnar por este objectivo: água ao domicilio e saneamento básico para a freguesia de S. Félix. Trata-se dum direito constitucional, duma questão de saúde pública e de defesa do ambiente!!!

————————————————————————————————————————

Site_SFelix_HenriqueRSilva

São Félix (Henrique Rodrigues da Silva)

Ed. 721 (13/07/2017)

Festa do Senhor

Celebrou-se no dia 25 de Junho a tradicional festa do Senhor, mais propriamente a festa dos irmãos da Irmandade do Santíssimo Sacramento.

Abrilhantou este evento a Banda de Música de Pinho, cantando também a missa solene e acompanhou a procissão ao cruzeiro. Também as catequistas da paróquia levaram a fazer a primeira comunhão a oito crianças. No fim da cerimónia realizou-se a procissão ao cruzeiro, acompanhada pela Banda de música e muitos fiéis, irmãos da irmandade e outros. É de salientar que esta irmandade é quase constituída por senhoras, visto a mocidade não ligar. É pena pois pouco a pouco acabam-se as tradições antigas.

Reparo

Li na revista municipal a inauguração de mais uma ETAR no nosso concelho. Só não há meio de se fazer a ETAR na freguesia de São Félix. Não sei qual o motivo e os habitantes estão desesperados, principalmente os proprietários dos 4 restaurantes. Estes têm muita razão pois pagam os seus impostos com os das grandes superfícies e não têm nem água ao domicílio nem saneamentos, eu pergunto. Será que esta freguesia não pertence ao concelho? Responda quem quiser. Amigos esta freguesia de São Félix com uma das melhores gastronomias da região de Lafões e senão vejamos, aos domingos e feriados a cidade está deserta e estes restaurantes estão superlotados. É preciso fazer fila para arranjar mesa para se sentar. É isto que a população da freguesia está revoltado e cuidado, vão haver eleições.

Pedido urgente ao Exmo. Senhor Presidente

Exmo. Senhor Victor Figueiredo, digníssimo Presidente da Câmara Municipal de S. Pedro do Sul, visite São Félix e repare como se encontra o estado de degradação do campo de jogos e tome providências e tome conta desta associação e ponha termo em virtude de não haver direcção já há muitos anos.

Por isso como sócio número um desta associação e nada poder fazer em virtude da minha doença, custa muito a quem deu tudo para esta construção e de repente vermos tudo abandonado, é muito triste. Outras freguesias com os seus campos de jogos que é de louvar, esses directores que tudo fazem para os conservarem e aqui em São Félix nada, é só destruição.

Exmo. Senhor Presidente Victor Figueiredo e Exmos. Senhores Vereadores da Cultura e Desporto acudam a esta associação, antes que ela se agrave mais. É uma tristeza de quem deu tantas voltas pela legalização. Acudam-lhe rápido. É URGENTE.

—————————————————————————-

Ed. 720 (22/06/2017)

São Félix

• A. M. Almeida

S. FÉLIX e… não só

As próximas eleições e as infraestruturas básicas na freguesia

Como o tempo passa! Parece que ainda foi ontem! São expressões que constituem uma inevitabilidade, principalmente para quem já viveu a maior parte da vida e sempre sonhou e lutou por determinados objectivos que não consegue ver concretizados apesar de consagrados na Constituição para cuja elaboração contribuiu, nem que tenha sido apenas com a sua participação nos atos eleitorais. Este sentimento e estas questões colocam-se com maior frequência à medida que o tempo passa e as necessidades aumentam, mas também quando se aproximam eleições, com os candidatos das diversas cores políticas a apresentarem os seus programas cheios de promessas que, muitas vezes, não vão cumprir, ou porque não podem (?), ou porque as prioridades que estabelecem não são as que mais importam ao “seu” circulo eleitoral, no seu todo.

Ao  receber os jornais da minha região – Gazeta da Beira e Noticias de Lafões –,  logo procuro saber as novidades, o que se passou, está a passar ou se prevê que venha a acontecer. Talvez sejam os únicos jornais que leio de fio a pavio, tal o interesse que mantenho pelas “coisas” da minha terra que visito com alguma frequência. Naturalmente que fico satisfeito com tudo o que de bom se tem feito. E tem sido muito. Os acontecimentos sucedem-se e o concelho de S. Pedro do Sul passou a ser muito mais conhecido, por boas (também algumas menos boas) razões. As capas e as páginas dos referidos jornais enchem-se de notícias, quase sempre, para não dizer sempre, ilustradas com as imagens dos acontecimentos nos quais participa, invariável mas justamente (ex officio) o Senhor Presidente da Câmara que tem o mérito de, ao leme da edilidade, conseguir a notoriedade alcançada.

Mas nem tudo foi bom no mandato que está quase a terminar. Não vou referir-me às contas que, a fazer fé no que tem sido publicitado, apresentam melhorias significativas, o que é sempre de enaltecer, mas à falta de satisfação de necessidades básicas das populações que têm sido preteridas, anos após anos, como é o caso da freguesia de S. Félix e o seu lugar do Entroncamento onde se concentra um significativo conjunto de actividades económicas, como é do conhecimento de todos os Sampedrenses e, incompreensivelmente,  continua sem ter saneamento nem água ao domicilio.

Convém lembrar que se trata duma questão de saúde pública e de defesa do meio ambiente!!! Estamos no século XXI!!!

Ainda, relativamente à freguesia de S. Félix, seria a altura para se procurar saber quais as razões que levam determinadas pessoas/famílias a procurarem manter-se no poder, quando afirmam não terem condições para o exercer. E, para quem entender reunir as condições para ser eleito, que se lembre que as responsabilidades são muitas e que devem assumir o compromisso de defender o interesse de todos (pessoas e lugares), nos fóruns a que seja necessário recorrer.

A relação com eleitores deve assentar em premissas obrigatórias de seriedade e compromisso, não bastando ser sério mas também parecê-lo. A escolha deve ter em consideração tanto o que foi feito como o que ficou por fazer e, já  agora, como e porquê…

 

 

 

——————————————————————————————————-

Site_SFelix_HenriqueRSilva

São Félix (Henrique Rodrigues da Silva)

Ed. 717 (11/05/2017)

Mais uma quadra Pascal se passou

Páscoa é uma festividade religiosa em que se celebra a ressurreição de Jesus Cristo ocorrido três dias depois da sua crucificação no Calvário, conforme o relato do Novo Testamento.

A Semana Santa é a última semana da quaresma, período em que os fiéis devem permanecer em constante jejum e abstinência.

Muitos conterrâneos que vieram passar a Páscoa com os seus familiares e amigos, alguns vindo do estrangeiro. Por isso gostaria de mencionar o nome deles mas não me foi possível.

Nada de novo, saíram novamente as três cruzes como nos anos anteriores, novamente sem a companhia do senhor padre. Aqui a população de Vila Nova fica sem saber porque o pároco não visita esta população em virtude de as outras já receberam a visita do mesmo. Talvez não considere a Vila Nova da freguesia, mas nesta povoação são muito católicos, como o senhor padre sabe. Vamos lá para o ano se por cá ainda estiver, venha acompanhar a cruz a esta povoação. Se não vier no Domingo de Páscoa venha no Domingo de Pascoela como vinham os seus antecessores que por cá passaram.

 

Temporal

No passado dia 19 de Abril pelas vinte e trinta fomos surpreendidos por uma forte trovoada e queda de granizo que em alguns locais atingiu 10 centímetros de altura, destruindo toda a agricultura, ficando árvores de fruto só com os tocos no ar. Videiras, batateiras e todo que diz respeito à agricultura.

—————————————————————————————————————

Ed. 716 (27/04/2017)

Torneio Internacional de Futsal da TAP

O nosso concelho vai acolher este ano o “8th INTERNATIONAL 5-A-SIDE AVIATION CUP 2017” masculinos e femininos, de companhias aéreas, controladores aéreos e empresas, na data de 26 a 29 de Maio de 2017, organizado pela Equipa Escala de Lisboa TAP PORTUGAL em parceria com o Município de São Pedro do Sul.

Este torneio poderá vir a tornar-se o evento com mais equipas inscritas, sendo muito bom para o nosso comércio e turismo, e onde é divulgado o nosso concelho por vários locais do mundo.

Neste momento estão já inscritas 14 equipas masculinas, oriundas de Portugal, Angola, Cabo Verde, Brasil e Argélia, onde passo a citar:

Escala de Lisboa, Clube Académico da Póvoa, Unidos da Estação, Grupo Desportivo Santander Totta, Clube Ogma, FtSystem, Allianz Seguros, Pantanal Football Team (Brasil), TAAG (Angola), Grupo CVT (Cabo Verde), Bio Control (Cabo Verde), ASA (Cabo Verde), ADRS (Cabo Verde),e Espoir Futsal Constantine (Argélia).

Estando também por confirmar mais 4 equipas, onde uma delas poderá vir de Marrocos.

Em relação às equipas femininas, estão já inscritas 5 equipas:

Escala de Lisboa, Associação de Moselos, Grupo Desportivo Cultural de Penedono, Grupo Desportivo de Oliveira de Frades e Sport Clube Futsal Satão.

Com a experiência do nosso concelho, neste tipo de eventos, este será com certeza um grande êxito.

Este evento, já vai na sua 8ª. Edição, passando já em vários locais do nosso país, entre os quais, Covilhã, Luso, Tondela, Idanha-a-Nova, Albufeira, Penalva do Castelo e Viseu.

Estima-se que este evento tenha a participação de 150 a 200 pessoas no nosso concelho.

Como todos nós sabemos, a hospitalidade é um dos nossos pontos fortes, assim as comitivas irão ficar instaladas no Hotel Parque Health Club & SPA.

Passando à competição, o torneio possivelmente terá os seguintes moldes:

Dia 26/05 – Chegada das equipas ao Hotel e depois reunião de capitães,

Dia 27/05 – Competição durante a manhã e tarde,

Dia 28/05 – Apuramentos dos grupos, Meias-Finais, Femininos e Final

Jantar com entrega de prémios.

Dia 29/05 – Partida para Lisboa.

 

Este torneio será divulgado através de:

Website criado para o evento http://escaladelisboa.org/saopedrodosul2017/main.html

Website da TAP PORTUGAL

O link da revista de Bordo UP da TAP PORTUGAL no mês de Maio.

————————————————————————————————————

Ed. 712 (23/02/2017)

Autárquicas

Autarquias já mexem na freguesia de S. Félix. Consta-se que o Partido Socialista já tem os seus candidatos à Assembleia de Freguesia. Já se sabe quem é o cabeça de lista. É uma pessoa que já deu muito pela freguesia e à comissão fabriqueira, trata-se de uma pessoa muito estimada e quem o conhece pode afirmá-lo nas urnas nas próximas eleições autárquicas.

 

Melhoramentos

A comissão fabriqueira mandou calcetar o que restava fazer em volta da igreja matriz.

A Câmara Municipal já deu por completo o arranjo do calcetamento junto à casa mortuária e arranjo das escadas que dão para o adro da igreja. Parabéns.

 

Caso insólito em Vila Nova

Deu-se um caso insólito em Vila Nova. Em meados de Janeiro, um idoso de 71 anos foi aingido por AVC. Já alguns anos e andando numa cadeira de rodas e quando se movimentava dela para a cama, a cadeira destravou-se e o idoso caiu abaixo da cama ficando com as pernas imobilizadas de baixo da cama. A esposa não podendo movimentá-lo sózinha, gritando por socorro, mas ninguém apareceu. Mas naqueles momentos infelizes em que a senhora se sentiu gritando e ninguém aparecer, se lembrou de pedir socorro aos bombeiros voluntários de S. Pedro do Sul e a resposta destes foi, que não tinham ninguém para mandar. Ligou para os da Salvação Pública e a resposta foi a mesma e ali o pobre homem esteve deitado duas horas sem ser socorrido, vale a um familiar que andava a trabalhar nas Termas e atendeu o telemóvel e os socorreu.

Estas coisas não podem acontecer neste país moderno. É preciso ter mais cuidado com os nossos idosos.

——————————————————————————-

Ed. 709 (12/01/2017)

Melhoramentos

A nossa autarquia está de parabéns e o porquê?

Antes de acabar o ano de 2016 arranjou o caminho do Sobreiro à Mó em Sacados, freguesia de São Félix. Com esta obra vai tirar às águas da chuva que fazia estragos por ali abaixo, arrastando muito aterro e pedras para a curva do Sobreiro na estrada municipal de São Félix `Freguesia de Sul, interrompendo muitas vezes o transito pondo muitas vezes em perigo os automobilistas. Mas a nossa câmara municipal liderada pelo Exmo. Sr. Victor de Figueiredo meteu mãos à obra e ela aí está concretizada. É gente que faz e não esqueceu o que tinha prometido não esquecendo o nosso povo.

Também o calcetamento em frente à casa mortuária está para ser arranjado em breve. À muito esperada esta obra, mas desta vez vai ser concretizada, são obras que muito nos envaidesse a população da freguesia e a camara municipal. Juntamente como a obra nesta freguesia e já concretizada, a estrada que liga a estrada nacional 228 aos Povos do Alto, estes povos estão muito gratos à câmara municipal e ao seu presidente. Estes povos agradecem e não esquecem quem lhes fez o bem.

 

Natal e Ano Novo

Nesta freguesia ouve muita animação pricipalmente na gastronomia com os quatro restaurantes do Entroncamento cheiose com diversas ceias de Natal. Registei-as todas que foram diversas e registei esta, um grupo dos Povos do Alto que reuniu 50 pessoas no restaurante “O Cantinho do Chefe”, juntando neste para um convivio de Ceia de Natal. É de louvar este grupo dos Povos do Alto. Como muitos outros reuniram em confraternização no restaurante da Emilia, no Figueiral e no Manjar do Retiro da Fonte.

Este Natal trouxe poucos emigrantes mas a data não condizia visto que era ao Domingo e não dava para fazerem grandes viagens.

 

Internamento

Esteve internado em Coimbra o Sr. José Barros de Vila Nova. Já se encontra em recuperação na sua residência em Vila Nova de São Félix. Desejamos-lhe as melhoras.

————————————————————————————————————

Ed. 707 (08/12/2016)

Verão de S. Martinho

707_sps_magusto_sfelix

O verão de S. Martinho foi-se embora e chegaram as chuvas, a neve e muito frio, etc

Também S. Félix não fugiu à regra e festejou o dia de S. Martinho à maneira de antigamente. Houve magusto como antigamente com a caruma de pinheiro, houve alegria em diversos lugares da freguesia. Em alguns locais saltou-se ao galo, saborearam-se as ditas castanhas enfarruscadas pelo lume da caruma dos pinheiros, não faltamdo a água pé, a jeropiga e outras bebidas, muita alegroa nesse dia de S. Martinho. Terminado o magusto ainda houve força para o tradicional arroz de pato. Foi um dia bem passado.

A minha escola, ai que saudades

Ai que saudades da nossa escola primária, nós que a frequentamos era para nós uma alegria quando por lá passavamos e ouviamos as nossas crianças gritando, brincando umas com as outras, agora passamos e está tudo abandonado, árvores desapareceram , jardim em frente à fachada da escola abandonado, nada existe, é uma tristeza e já evitamos de lá passar, apenas escapou o jardim de infância, mas só tem sete crianças.

Esperemos que a nossa autarquia não se lembre de a por à venda como tem feito com outras. A minha sugestão, porque não é aproveitada para fazer lá um centro de dia para a nossa terceira idade passar lá os seus tempos livres, para passarem o resto da sua vida mais confortáveis? Aqui fica minha sugestão.

Doentes

Esteve internado no Hospital S. Teotónio em Viseu o Sr. José de Barros de Vila Nova. Já regressou ao seu lar, desejamos óptimas melhoras e boa recuperação.

————————————————————————————————————————

Ed. 706 (24/11/2016)

Dia de todos os santos e fiéis defuntos

Foram celebradas no dia 1 de Novembro as cerimónias de Todos os Santos e Fiéis Defuntos novamente no feriado. Feriado este que nos foi retirado pelo anterior Governo e que o actual voltou a devolvê-lo aos nossos mortos. Mas esta freguesia nunca o esqueceu celebrando sempre no dia 1 de Novembro.

Sempre nos 4 anos em que o governo o excluiu, não alinhando em politiquices e sempre celebraram o dia de Todos os Santos e de igual modo o dia do Corpo de Deus, estes dois feriados nunca deveriam ser retirados ao povo católico.

O dia de Todos os Santos, dia dos nossos queridos já falecidos, dia este em que todos nós nos deslocamos às suas sepulturas para rezar pelas vossas almas e este ano S. Félix não ficou atrás dos outros em que não era feriado com aqueles que nos visitaram e encheram os cemitérios, muitos emigrantes estiveram junto de nós para comemorarem este evento e aproveitaram este feriado para se deslocarem até nós e eram muitos e já regressaram novamente ao seu local de trabalho.

Agora esperemos pelo dia do Corpo de Deus, também feriado agora recuperado. Este dia de Corpo de Deus também muito festejado nos nossos concelhos de Lafões, esperemos para ver.

Melhoramentos

Nada a registar nesta freguesia. Esperemos que os nossos governantes não se esqueçam das promessas feita na altura das eleições. Onde está a água prometida ao domicílio na localidade do Entroncamento de S. Félix? Onde está o abaixo assinado feito pelos moradores desta freguesia? Tendo sido publicado nos nossos jornais que havia verbas para a compra de terrenos e para a construção de Etares, mas para S. Félix nada de compra de terrenos. Mas S. Félix nada. Mas S. Félix também faz parte do concelho.

Quando é que vamos ter água canalizada em S. Félix? Os habitantes estão desesperados tal como os proprietários dos quatro restaurantes ali existentes. Culpa-se as Estradas de Portugal pelo prejuízo que vai dar, mas nós habitantes do Entroncamento de S. Félix, concelho de São Pedro do Sul, também somos Portugal.

Valos lá senhores autarcas resolver a mágoa destes habitantes. Ponham mãos a isto ou esclareçam o motivo deste atraso da colocação da água e saneamento.

————————————————————————————————————————–

Ed. 705 (10/11/2016)

“Exmos Senhores, leitores e toda a direcção, pelo colaborador do jornal de S. Félix, as minhas desculpas por não ter mandado noticias, mas o meu estado de saúde agravou-se e colocou-me numa cadeira de rodas obrigando-me a fisioterapia continua, espero que desculpem. Visto estar a melhorar, logo que possa voltarei a colaborar.”

Festas e Romarias

A festa da Nossa Senhora do Rosário de Fátima relizou-se no dia 9 de Outubro no nossa paróquia. No final da missa o andor da Nossa Senhora, juntamente com o andor do padroeiro S. Félix, sairam à rua para dar a volta ao Cruzeiro com muita assistência em virtude de estarem por cá muitos emigrantes em virtude da Nossa Senhora ter muitos devotos na freguesia e arredores.

Povos do alto em festa

Estes povos estão em festa porque viram os seus pedidos concluidos. Estão em festa e com muita gratidão à Câmara Municipal e muito especial ao executivo liderado pelo Exmo. Senhor Victor de Figueiredo.

Amigo Victor de Figueiredo e todo o executivo camarário, não esqueçam o ramal de Vila Nova à Torre de Vila Maior porque está intrasitável.

Estes povos de Vila Nova de Galifães, Cotães, Moldes e toda a freguesia de Pinho estão em festa porque viram a estrada com tapete novo. Obrigado Sr. Presidente.

————————————————————————————-

Ed. 682 (10/09/2015)

São Félix Festas Religiosas

Festa do Padroeiro São Félix, realizou-se no dia 2 de Agosto na Igreja Paroquial teve

lugar  pelas 15  horas a tradicional  festa  do  Padroeiro desta Freguesia São Félix. Celebrou este evento o Pároco senhor Lindoval que também fez o sermão e explicou a vida do Santo e o que ele pela sua fé; cantou a Santa missa o grupo de cantares da Paróquia, cantando-a com uma perfeição que é de louvar pela juventude de diversas idades, também acompanharam  a procissão ao cruzeiro com os cântico alusivos ao evento, os andores muito  bem enfeitados  o do Santo São Félix com os melhores cravos vermelhos e o da Nossa Senhora de Fátima com rosas brancas e outras flores, quem os enfeitou  tiveram  gosto, por  isso merecem o nosso apreço, também  os guiões da Paróquiafora incorporados na mesma,que é-de-louvar.

Também neste evento se juntaram muitos fieis como de costume em virtude  de cá estar muita  gente de férias. Estão de parabéns os mordomes que porpossionaram uma festa  diferente  aos paroquianos  daquelas que se realizado  noutros  anos na Freguesia.

Só é pena que estes eventos religiosos se focam a tarde se tem sido feito da parte da manhã teria mais aderência.

 

Reparo

Exmos Senhor Presidente e Senhores veriadores: seria mais honesto da vossa parte se nos vesitassem e verifiquem na situação em que se encontra a estrada Municipal da Igreja a Ranhadinhos,está intransitável principalmente na zona de Vila Nova.

Ouso perguntar-lhes quanto nos custa perder o que outra geraçãofez?.

 

Deslocação importante

Deslocou-se ao Luxemburgo o senhor Fernando Manuel Martins  de Sacados para doar a Medula  ao seu irmão senhor Adriano António  Martins  natural  de Sacados, casado com a senhora Tina natural da Cobertinha Vila Maior.

Todos os irmãos do Adriano fizeram  o teste para  ver qual  deles era combatível, calhou ao Fernando Manuel, que de imediato  se deslocou ao Luxemburgo para a doação, teve que se deslocar por  duas vezes e mais tarde  terá  que se deslocar novamente para futuros exames correu tudo bem e o Adriano está em recuperação estável. É de louvar a coragem do Fernando Manuel como encarou o problema e deu todo o seu querer para salvar o irmão que é de louvar esta digna atitude.

O Adriano está a reagir muito  bem e qualquer dia cá o temos a gozar umas férias juntamente com sua família e nós amigos cá o esperamos para o abraçar com muito carinho, Adriano força, que vais vencer, são os votos sinceros dos teus familiares e amigos-

 

Clarificar

Clarificar a noticia publicada na Gazeta da Beira em 30 de Julho de 2015, Entroncamento de São Félix condenado ao desaparecimento, talvez a condenação não seja por  o colaborador  da Gazeta da Beira de São Félix: vamos aos factos, escreve o António raramente me refiro a dar noticias do Entroncamento, ó António não  é verdade  como  escreves, eu  sempre  me  dediquei  com  muito  carinho  ao Entroncamento, eu sempre me dediquei ao local que mencionas com amor á “!lnha terra, portanto o local que mencionas tem para mim o mesmo valor que tem Vila Nova, Povos do Alto e todas as povoações da minha Freguesia; eu não me esqueço do local mencionado: não é verdade o que escreves, sempre mencionei o bom que temos que temos na gastronomia, dos três Restaurantes ali existentes tenho vindo a divulgar uma das melhores gastronomias da Região de Lafões; ó António andas a ler muito mal a nossa Gazeta III. A noticia que escreveste não é verdade, esqueceste-te que me dei au luxo de publicar que era urgente o saneamento e água ao domicilio no local que mencionas mas mais o saneamento e dei-me ao trabalho  de fazer  a contagem dos metro de distância do Entroncamento á Ribeira de Cotâes onde já á colectores de saneamento ligados á rede de esgotos; olha amigo António são apenas 1500 metros de existência, dei-me também ao cuidado de chamar atenção de alguns esgotos nessa localidade  estarem ligados para o ribeiro  mas o António  não leu e está  incrispado, seria por não publicar o baixo assinado que eu também assinei mas esse baixo assinado  a redacção dele não tinha pés nem cabeça uma redacção muito mal feita para o efeito, mas dei a  noticia da existência dele. Amigo António há também em Vila Nova uma Rua sem tubagem para água e saneamento e tem esta Rua quatro habitações com 9 eleitores e alguns já com a água requisitada e paga a requisição e não foi  ligada, não é só a tua  terra, por  isso não é verdade  o que escrevestes.

Amigo António agora que o Exmo. senhor presidente da junta de Freguesia não se pode candidatar aconselho-te que te candidates e já podes fazer tudo á tua maneira, amigo António agora que já és proprietário de uma parte do Entroncamento já estás preocupado com a tua terra, antes nada escrevias. RECONHEÇO!…

——————————————————————————————————————-

31/07/2014

Por quem os sinos dobram

Faleceu no passado dia 29 de Junho no Centro Social de Vila Maior a Senhora D Maria da Glória Mendes com 93 anos.

A extinta era viúva do Senhor Domingos Fernandes de Almeida, residente que foi no Entroncamento – São Félix.

Era mãe do Senhor António Mendes de Almeida, casado com D. Amália de Fátima Mendes, residentes em Palmela – Setúbal e de D. Fernanda-Mendes de Almeida Paiva Correia, casada com o Senhor José Augusto Paiva Correia residentes em Agualva Cacém Sintra.

O seu corpo foi transladado do Centro Social de Vila Maior em cortejo fúnebre para a Casa Murtuária da Paróquia de São Félix, onde esteve em câmara ardente até às 15 horas do dia 29 realizando-se o funeral para a Igreja Matriz onde foi rezada missa de corpo presente e de seguida indo a sepultar em campa de familia no cemitério local, acompanhou a extinta a Irmandade do Santíssimo.

A Senhora D. Glória era uma pessoa mito estimada pela população da Freguesia e arredores em virtude de muitos anos ser proprietária de um establecimento na localidade do Entroncamento em São Félix e por estes actos de estimação dos seus clientes sempre muito bem disposta com eles na D. Gloria não avia tristeza,. muito amável.

Aos seus familiares muito especial a seus filhos os nossos sentidos pêsames.

Tempo e baixas temperaturas

O clima está mudado, mas parece-nos que o verão chegou, temperaturas muito baixas e as aragens desta temperatura deu origem que os batatais se queimassem, muito míldio nas vinhas e nos feijoais, muita trovoada felizmente nesta zona o granizo não apareceu.

Água ao domicílio

Exmos Senhores Autarca responsáveis deste evento tão desejado na Freguesia porque não se liga a água aos constituintes em virtude de depósito já se encontra no devido local,então Senhores porque não. dão continuação á obra que abandonaram liguem ao menos a água.

A dias recebemos o dito aviso para pagamento da taxa dos residuos, engraçado­ talão de leitura ótica do contador consumidor 4536 – tipo de leitura 6 meses.

Como é que continuam a enganar o Zé com numero de contador se eles não existem nesta povoação de Vila Nova. Não existe qualquer de água, porque nos enganam. O lixo era colhido duas vezes por· semana agora aumentou a taxa e é recolhido uma só vez por semana, porque não explicam aos utentes esta redução de recolha.

Acidente de automóvel

Acidente de viação no passado dia 15 de Maío nos Povos do Alto, ltlilÍS própriamente em Galifães e neste acidente o Senhor Mário Correia teve um AVC. dado o alerta aos Bombeiros e estes compareceram de imediato transportando p.ara as  Urgências de São Pedro do Sul e daí para o Hospital de Viseu onde Aida se encontra internado, ótimas melhoras

Baptizado

No passado dia 6 de Julho , recebeu o Sacramento do Batismno, na Igreja Paroquial de São Félix, a menina Leonor Correia dos. Santos, filha de Paula Cristina Maneca. Correia Pinto e de Nu11o Miguel Esteves Sa11tos Pinto. É neta matema de Maria dos Prazeres Santos e. de João Esteves Pinto naturais de São Félix e neta materna de Maria dos Prazeres Santos Maneca  Correia e Manuel Barros Correia, naturais de São Miguel do Mato, concelho de Vouzela.

Foram Padrinhos Carla Sofia Maneca Correia e Tiago Rafael Almeida Russo.

No final da cerimónia religiosa foi servido um lauto almoço aos familiares e convidados no Restaurante o Retiro da Fonte em São Félix São Pedro do SuL Parabéns aos Pais Avós padrinhos e que a Leonor tenha uma longa vida de paz e felicidades.

—————————————————————————————————————————–

15/05/2014

COMEMORAÇÕES DOS 40 ANOS DA REVOLUÇÃO DOS CRAVOS – OS AMIGOS 25+ l – de São Félix

Os amigos 25+1 comemoraram em São Félix os 40 anos após a “Revolução dos Cravos” do Ideal da Liberdade, da Justiça Social, do direito ao trabalho, trabalho igual, obriga nos a sentir cada mais, o desemprego, a criminalidade, etc.

Seria excelente que o estado, principalmente o Governo se debruçasse mais sobre as promessas feitas durante a campanha eleitoral.

Por isso o Ideal de Abril  terá de ser continuado. Não basta por um cravo vermelho ao peito, fazer discursos; deles estão os eleitores cheios. Já mais poderá haver justiça Social numa Comunidade em que o dinheiro, especulação, os interesses dos Partidos pelo poder e de grupos económicos sejam os seus principais objectivos.

Comemorar os 40 anos da revolução de 25 de Abril é comemorar a Liberdade que os Capitães de Abril nos propuseram. Na madrugada de 25 de Abril de 1974 o Povo Português viu, finalmente, abertas as portas da Liberdade que por tanto lutou, – com mortes, prisões torturas dos seus melhores filhos, – quando o movimento das Forças Armadas pôs termo a quase meio século de regime fascista, de ditadura de opressão, de obscurantismo.

Durante os anos que já passaram, foram grandes as transformações económicas, sociais e políticas que a luta dos trabalhadores conseguiu operar na nossa sociedade. O fim do colonialismo, dos monopólios, dos latifúndios e institucionalização da democracia, as nacionalizações, a Reforma Agrária, tudo isto desapareceu, pagou-se aos agricultores para não produzirem, a liberdade sindical, o direito à greve foram as conquistas irreversíveis do povo Português que ficaram consagradas na Constituição. Apesar de alguém querer revê-la, mas o povo não deixará. que isso aconteça.

Apesar dos esforços desesperados das forças intelectuais, patronato, que não cessam de desenvolver manobras conspirativas e destabilizadoras conta a ordem democrática, a liberdade, a unidade dos trabalhadores e do seu movimento sindical e as conquistas da Revolução de Abril, o trabalhador Português, merece de uma luta firme e determinada, tem sabido defender as suas conquistas essenciais e dispõem de bastante força para se oporem com êxito às acções reaccionárias dos inimigos da classe.

Para os trabalhadores o 25 de Abril as suas conquistas e rigoroso cumprimento da Constituição constituem aspectos fundamentais pelos quais estão dispostos a bater­se pela maior firmeza e determinação, sem qualquer cedências.

Comemorar os 40 anos do 25 de Abril é comemorar a Liberdade.

Também a Freguesia de S. Félix comemora sempre com almoço comemorativo desta data brilhante que é o dia  da Liberdade. Mas  este ano não foi possível comemorar na serra porque o serviço meteorológico não o permitiu. Ficaram pela Freguesia num restaurante local.

Estes amigos esperam que para o de 2014 se o F.M.L –  nos deixar voltaremos a comemorar as 40 primaveras deste eventos eram para serem comemoradas na linda Serra da Freita mas não foi possível.

Vem aí eleições esperemos que os partidos políticos façam uma campanha honesta e

limpa sem ataques pessoais, sem andarem a desmascarar o passado de cada um dos rivais com ofensas imperdoáveis, os eleitores abstêm-se, porquê? Porque os nossos políticos fazem por isso e os eleitores estão cheios de mentiras, de calúnias e por isso os nossos eleitores não vão às umas, já não têm confiança nos políticos por estes já não os defenderem, defendem sim, para chegar ao poder a todo o custo.

Quem tem acompanhado de perto os Srs. Deputados na Assembleia da República , verificou que muitos deles nunca usaram da palavra e quando a usavam não era para defender quem os elegeu mas sim para ataques contínuos aos outros partidos.

Solicitamos; aos lideres dos partidos políticos que, escolham os seus deputados e que exijam currículo profissional e político como exige o patronato quando quer dar emprego aos constituintes.

Vem aí as eleições para o Parlamento Europeu e daqui apelamos muito sinceramente que façam uma campanha  democraticamente limpa e digna “sem crispação aos outros”.

Digam a verdade e não mintam ao povo, porque o povo já está farto de mentiras e por isso não vai às urnas e isto é muito mau para a nossa democracia e para a nossa liberdade conquistada há 40 anos na revolução dos cravos no 25 de Abril de 1974.

Páscoa

Mais uma Páscoa se passou e nada de novo, as cerimónias são sempre as mesmas, este ano ouve uma pequena alteração, o senhor padre Lindoval resolveu fazer a visita Pascal à povoação de Sacados, muitos fiéis quiseram estar presentes, aproveitaram uma mini férias e associaram-se às cerimónias.

Nas outras povoações, a visita foi igual à dos outros anos, saíram 2 cruzes, uma para Vila Nova, outra para Nespereira Alta, fizeram a visita de porta em porta mas sem a presença do Sr. Padre, presença esta que era indispensável este ano, pelo motivo de ser o primeiro ano, que o Senhor padre Lindoval está na Freguesia, mas não se concretizou ainda este ano; pode ser que um dia venha um jovem e faça a visita como no antigamente, se o Sr. Padre tem acompanhado a cruz, teríamos mais donativos para as obras da comissão Fabriqueira, cujo Sr. Padre é o Presidente, ficaríamos todos a ganhar; os paroquianos com a presença do Sr. Padre dariam mais donativos.

Mas tudo acaba por isso as pessoas estão a desligar-se quase na totalidade da igreja.

Melhoramentos

A Autarquia leu as nossas notícias publicadas há dias e mandou tapar os buracões na estrada Municipal dos povos  do Alto, mas nunca é demais lembrar é que as valetas continuam a ser um perigo para os automóveis, que continuam a não poder passar um pelo outro de Vila Nova à estrada Nacional 228, em São Félix.

———————————————————————————

27/03/2014

À SOMBRA DA CRUZ

Faleceu no passado dia 1 de Março no Lar da Misericórdia S. António – São Pedro do Sul a Senhora Josefa de Almeida com 93 anos de idade viúva do Sr. Américo Batista residente na Rua Principado Loureiro em Nespereira Alta São Félix concelho de São Pedro do Sul.

O corpo foi transladado da Misericórdia em cortejo fúnebre para a Capela da Nossa Senhora da Ribeira em Nespereira Alta, onde ficou em Câmara ardente até ao dia seguinte dia 2 de Março de onde se iniciou as cerimónias fúnebres e seguiu novamente em cortejo automóvel para a Igreja Matriz de São Feliz onde era esperada pela Irmandade do Santíssimo e muitos paroquianos, onde foi rezada missa de corpo presente.

Era mãe de Eurides de Almeida Batista, Eloi Batista Patrício, Manuel de Almeida Batista e Tito de Almeida Batista.

Foi a sepultar no cemitério local em jazigo de Família.

Acompanhou a extinta a Irmandade do Santísstmo Sacramento e muitos amigos da. Numerosa familia Batista que lhes quiseram prestar a última homenagem.

Que descanse em paz são os nossos votos e o nossos pesâmes a toda a família enlutada.

Saliantamos que esta Senhora foi esposa do último presidente da Junta de Freguesia de São Félix durante muitos anos antes do 25 de Abril de 1974:

Nascimento

Deu à luz na maternidade do Hosplial de São Teotónio em Viseu uma menina a Srª. Dª. Paula Cristina Maneca Correia Pinto, casada com Nuno Miguel Santos Esteves Pinto, fica este jovem com um casalinho em virtude de já haver um rapaz.

A Paula Cristina é natural de Lourosa Freguesia de São Miguel do Mato, concelho de Vouzela e o Nuno Miguel é natural de Vila Nova São Félix concelho de São Pedro do Sul onde residem.

Com este nascimento desta menina veio assim juntar-se a mais 7 crianças já existentes neste pequeno Bairro de Vila Nova, são agora 8 crianças existentes.

É de louvar este evento em virtude de a nossa população estar a envelhecer. Muitos parabéns a este jovem casal e muitas felicidades para os criar.

Autarquia

Está de parabéns a Autarquia que ouviu o recado em que se encontravam as valetas em Vila Nova e mandou meter aterro e assim os automobilistas já passsam um pelo outro sem perigo, mas só taparam o ribeiro feito pelas chuvas torrenciais neste Inverno e com este aterro já libertaram os dois caminhos que estavam impedidos de circulação; mas a estrada Municipal continua intransitável principalmente junto à imagem da nossa Senhora no cruzamento que dá acesso a Vila Maior. É urgente arranjar principalmente aquele buracão que se ali encontra, para não haver ali um acidente e depois alguém tem que ser o responsável.

Alerta à Junta Autónoma de Estradas.

Atenção Senhores na estrada Nacional 228 em São Fe1ix no segundo semáforo junto à Rua da Escola a cabine automática tem o vidro partido e os fusíveis estão à vista, é melhor reparar o mais rápido possível antes que haja uma tragédia, há ali uma escola primária.

Comemorações do 25 de Abril

Vão os amigos do 25+ 1 de São Félix, Vila Maior São Pedro do Sul, Viseu, Figueiredo de Alva, Sul e outros, comemorar os 40 anos da revolução de Abril, o local das comemorações ainda não está marcado depende do serviço meteorológico, se for favorável, será na serra.

—————————————————————————————————————–

27/02/2014

Novo Pároco

Está esta Freguesia novamente bem servida como esteve durante anos com o Senhor Padre Alexandre que muito fez pela Paróquia substituio sua Rerª Senhor Padre Lindoval.

Agora o Senhor Padre está a seguir as mesmas  pisadas anteriores, por isso os paroquianos estão muito satisfeito com a sua nomeação feita pelo Senhor Bispo. Muito atencioso sempre pronto para ajudar em tudo que diga respeito aos paroquianos chamando a juventude para junto, chamando aqueles que andam longe da Igreja

 Melhoramentos

Melhoramentos não á nada a registar na Freguesia, nem na junta, nem na comissão fabriqueira, também aqui chegou a crise financeira os paroquianos estão a viver uma frse muito difícil, não há trabalho, a construção civil está completamente parada, a construção era o ganha pão de cada dia da maioria dos habitantes desta Freguesia, não há trabalho para os construtores e estes não tendo obras para construir, não podem dar trabalho.

Os agricultores não conseguem arranjar dinheiro para comprar as sementes, os adubos e não só, para sulfatar as árvores de fruto as videiras e outras, tem que tirar um curso, os agricultores não percebem, porquê: sempre se sulfatou sem curso e as pessoas duravam, muitos deles até aos noventa e tal anos, será que estes curiosos ensinam alguém?, não é verdade. É verdade sim que esses curiosos lembraram-se foi de acabar tudo o que resta da agricultura, alguém ensina um agricultor com 70 anos ou mais a sulfatar as videiras, olhem que não !…

E não fica por aqui, o pequeno agricultor se quiser vender umas batatas, milho feijão etc., tem que dar conhecimento às finanças, não está correcto, enfim é a ministra que temos na Agricultura, parabéns pelo trabalho errado com que está a confrontar os agricultores.

É a fase difícil que atravessamos, não há melhoramentos porque o pouco dinheiro que nos resta é para pagar impostos e se não pagarmos vem logo a penhora sobre o que resta.

Também a Autarquia da Freguesia está parada, antes das eleições mandou escavacar algumas das ruas da Freguesia para colocação de tubos para saneamento e água. Escavacou tudo e o resultado, nem água nem saneamento, mas sim construíram um ribeiro que em alguns sítios tem mais de metro e meio de perfundidade, tudo isto para enganar o Zé: para obter o respectivo voto e o resultado esqueceram tudo e o resultado está à vista, estradas intransitáveis, por exemplo a estrada dos Povos do Alto a estrada de Sacados, é este o resultado de haver eleições.

Será que a Autarquia da Freguesia não tem uns euros para comprar um rolo fita luminosa para sinalizar o ribeiro que mandou construir em Vila Nova, na estrada, desde a Senhora dos Caminhos de Vila Nova à Igreja Paroquial, sinalizaram uma parte com a dita fita e o resto foi sinalizado com giesta e pedras, porque não sinalizaram tudo? mas estão lá os livros, aqueles livros que se regeram quando fizeram as valetas às prestações.

Esta estrada está intransitável os automobilistas já não passam um pelo outro desde a estrada Nacional 228 que liga São Félix, Vila Nova, Povos do Alto e Moldes de Pinho. Há dois caminhos públicos com a entrada cortada há seis meses pelas valetas de uma profundidade de mais de metro e meio, são os caminhos Público, o da fonte da Mula e o caminho que dá ligação à rua da Arregadia e outros, por exemplo, à Freguesia de Vila Maior. Em caso de emergência, estes caminhos não tem entrada nem de tractor nem a pé e no caminho da fonte da Mula existe o único chafariz com água própria para consumo.

Onde está protecção civil desta terra?… Venham verificar sem falta !…

A rirem-se desta situação estão os habitantes do Entroncamento, porque no entender deles não pertencem à Freguesia e o porquê que se estão a rir?!, é porque também não têm água nem saneamento mas, não tem tudo escavacado, como os outros que no entender dos do Entroncamento, pertencem á  Freguesia, e também não têm água nem saneamento, mas em contrapartida têm tudo escavacado e as ruas intransitáveis.

É isto senhores leitores espalhados pela Europa e pelo Mundo, o que temos na nossa freguesia que vocês e nós tanto amamos.

Reparo

Exmos Senhores responsáveis pela recolha do lixo desta Freguesia.

Antigamente a recolha era gratuita para os habitantes, era recolhido duas vezes por semana às terças e sextas feiras. Agora que pagamos dois euros por dia a recolha é feita só uma vez por semana à sexta feira e o resultado é o lixo que se acumula junto ao caixote, o que dá muito mau aspecto a quem nos visita.

De quem é a culpa, será da Autarquia ou da Empresa que faz a recolha. Vamos lá reparar isto Senhores.

 Temporal

Também o temporal nesta Freguesia se sentiu em grande, muita estradas cortadas árvores derrubadas barracões, coberturas de chapa, desapareceram, rampas caídas, mas não foi necessário chamar a protecção civil, nem os bombeiros, a população desenrascou-se.

——————————————————————————————————————————–

24/10/2013

Eleições autárquicas

O PSD voltou a ganhar a Junta de Freguesia de S. Félix. António de Oliveira é novamente eleito e segue para o terceiro mandato. O candidato social democrático 184 votos, mais 65 do que o concorrente socialista José de Almeida Figueiral que se ficou pelos 119. Para a nova Assembleia, a prioridade passa pela conclusão do alargamento do cemitério e outras que foram começadas para obter votos e acabou por ficar tudo escavacado.

Ganhou quem o voto do povo entendeu que devia estar à frente e escolheu pela continuação, por isso vai ter pela frente a continuação de um projecto que traçaram, bem há oito anos. Vai ser muito difícil cumpri-lo em virtude da crise em que nos encontramos ser muito grande e difícil!…

Desde já felicito os vencedores, como também os derrotados.

Quero também felicitar a vitória do candidato à Câmara municipal, Sr. Vitor de Figueiredo, candidato pelo partido socialista em S. Félix. Parabéns!

Também felicitar o Sr. Dr. Victor Barros e todos os candidatos pelos outros partidos que não conseguiram ser eleitos.

A chuva chegou

A chuva chegou e fez muitos estragos na estrada Municipal dos Povos do Alto na localidade de Vila Nova, desde o cruzamento que liga Vila Nova a Vila Maior, as ditas valetas já muito faladas na comunicação social. Foi tudo escavacado para o saneamento e água, mas nem água nem saneamento. As chuvas chegaram e vai daí as águas levaram tudo, por falta de coordenação dos responsáveis do município e a estrada está quase intrasitável. Os veículos quando se cruzam um com o outro, põe sempre em perigo o que desce, porque se cai às valetas fica lá inutilizado. É o resultado das valetas começarem debaixo para cima e não como manda a regra que o trabalho comece de cima para baixo e vai daí, depois das eleições, abandonaram todas as obras na Freguesia, obras essas começadas antes.

Falecimento

Faleceu no passado dia 22 de Setembro no Centro de Saúde de S. Pedro do Sul, o Sr. Joaquim Correia da Silva, com 82 anos de idade, viúvo da Srª. Idalina Ribeiro de Almeida, residente que foi na Rua das Massarocas nº17, S. Pedro do Sul, mas a residir na Rua do Soito em Vila Nova, S. Félix.

Era pai de Mário de Almeida Correia, Carlos Alberto Almeida Correia, José Manuel Ribeiro Correia e de Maria de Fátima Ribeiro Correia.

Esteve em câmara ardente na casa Mortuária de S. Félix, o seu funeral realizou-se no dia 23 para a Igreja Matriz onde foi rezada missa de corpo presente, indo a sepultar no cemitério da Freguesia de S. Félix.

Acompanhou a Irmandade do Santíssimo da Freguesia e a Irmandade do Santíssimo de S. Pedro do Sul. Aqui há um reparo a fazer, para que todos os Irmãos da Irmandade que não estiveram e que estão espalhados pelo mundo ficarem a saber, quebrou-se uma tradição que vinha a ser quebrada pela reitoria actual, a Irmandade do Santíssimo da paróquia nunca formou à frente de outra vinda do exterior, esqueceram-se que esta Irmandade do Santíssimo da Paroquia de S. Félix e quando a mesma se desloca a outra freguesia forma sempre à frente e não junto ao corpo, como aconteceu neste funeral, que a que nos visitou formou junto ao corpo e não à frente, onde deveria ter formado, seria bom que de futuro escolhessem pessoas que conhecessem os hábitos da Freguesia.

Tem esta paróquia uma Irmandade do Santíssimo Sacramento, fundada em 1703. Em 1884 os seus estatutos foram reformados, pelo então reitor desta Irmandade, o Sr. João de Figueiredo Lima de Ranhados (S. Pedro do Sul), por isso não venham com histórias que a Irmandade do Santíssimo de S. Pedro do Sul é que é a mais antiga, para poderem formar onde queiram. Aqui em S. Félix a Irmandade da Paróquia forma junto ao corpo e não à frente daquela que nos visita. Esperemos que de futuro os Reitores que venham a ser nomeados, não se deixem dominar como aconteceu no dia 23 de Setembro. Já fomos visitados por várias Irmandades de outras freguesias e todas formaram à frente e não puseram problemas.

 

Faleceu também em 12 de Outubro, em Lubagueira, Viseu, a Exmª. Srª. Dª: Maria Elisa de Abreu, com idade de 91 anos, viúva de Francisco Ramalho, muito conhecida da família Canté do Entroncamento de S. Félix, era mãe de Maria Alzira Abreu Ramalho Rodrigues, era irmã de António de Abreu, de Fernando de Abreu, Lucília de Abreu, Idalina de Abreu já falecidos, e Celso de Abreu, radicado no Brasil.

Foi a sepultar no dia 13 em campa de família, no cemitério de Couto de Cima, Viseu.

Às famílias enlutadas os nossos sentidos pêsames.

——————————————————————————————————————————————————-

10/10/2013

Novo pároco

Há um novo pároco na Freguesia, penso que se chama Lindo Vale e é de Nacionalidade Brasileira e veio paroquiar esta Freguesia e a Freguesia de Sul.

Desejamos-lhe as boas vindas e-que·de-bom·traga·para·a Paróquia· para reconquistar os paroquianos, com ele à frente dos destinos da Comissão Fabriqueira darem continuação aos melhoramentos que o seu colega Senhor Padre Alexandre à frente da mesma, construiu e deixou uma obra muito importante.por realizar, que foi o toque dos sinos automaticamente, mas, concerteza que todos juntos, o Sr. Padre Lindo Vale, Comissão e paroquianos, essa obra vai ser realizada o mais breve possível.

 

Agradecimento

Em nome de toda a Paróquia de São Félix venho agradecer muito amavelmente ao Ex.mo Senhor Padre Alexandre, tudo o que de bom fez por esta Paróquia. Obrigado!… Ficou no coração de todos e ficou na história da Paróquia de São Félix, que todos nós louvamos e agradecemos com todo o carinho, mais uma vez muito e lhe desejamos muita saúde na sua nova Paróquia da vizinha freguesia de VilaMaior.

 

Festas Religiosas

Ralizaram-se, no passado dia 4 de Agosto a festa em honra do Padroeiro da Freguesia, o Santo São Félix, também no dia 15 de Agosto a festa em honra da Nossa Senhora da Ribeira em Nespereira Alta.

Ambas muito concorridas, em virtude dos nossos emigrantes, muito devotos a estes dois eventos, estarem por cá.

Parabéns aos mordomos e a todos os colaboradores do mesmo.

 

Melhoramentos

A EDP, ouviu os nossos reparos e vai daí acabou com os remendos que havia em fios. descascados e colocou em toda a povoação de Vila Nova cabos e novos candeeiros, obrigado por ouvirem os nossos recados, parabéns.

Já o mesmo não aconteceu com as Autarquias, que escavacaram toda a povoação para a colocação·de tubos para a água ao domicílio e·saneamento e nada·disto foi ligado, tentaram foi tapar os olhos aos habitantes, mas estes estão com eles bem abertos e não vão esquecer.

Senhores Autarcas porque se arranjam as valetas aos remendos? Porque não começaram, de cima para baixo em vez de, de baixo para cima. Todos nós sabemos que a água quando é muita corre de cima par baixo, só se na vossa óptica corre de baixo para cima, não é para entender?

O inverno está quase à porta e se as valetas não forem arranjadas, da Senhora dos Caminhos até à lgreja, lá está·a estrada Nacional 228 no cruzamento, a levar·com as pedras e aterro vindo·dessa zona e depois·lá bem·a protecção·civil, vamos·lá evitar·isso Senhores!…

Porque não foram metidos os tubos no Entroncamento, porquê? não pertencem à Freguesia, mas pertencem ao coração·da Cidade, tem uma gastronomia das melhores da Região de Lafões e no concelho  não há igual, tem três restaurantes, uma Residencial, uma empresa de jardinagem e um stande de automóveis, Habitantes, que devem ser tratados como tal, porque também são contribuintes. Mas, para não ficarem com tudo escavacado, não ligam nem água nem saneamento, deixam-nos estar como estão, mas notem·que estes moradores·estão muito·ofendidos.

O que  está acontecer na povoação de Sacados, estão a meter a tubagem para o saneamento, do meio da povoação para baixo, em vez de começarem de cima para baixo. O que é isto Senhores?

 

Reparo

Exmos Senhores, o que se passa com a recolha do lixo nesta Freguesia.

Antigamente a recolha do lixo era gratuita para os habitantes e era recolhido duas vezes por semana, agora que se paga dois Euros por mês, a recolha é feita só uma vez por semana e o resultado é que há lixo espalhado à volta do caixote, o que dá muito mau aspecto a quem nos visita, o cheiro é horrível·e·há muito·mosquitos.

Senhores Autarcas de quem é a culpa, será da Autarquia ou da empresa que faz a recolha. Vamos lá reparar isto.

Viagra Generico Cialis Originale Kamagra 100 mg Kamagra Oral Jelly Acquistare Propecia Generico Sildenafil Priligy Cialis Jelly Cialis Original Generisk viagra 100mg Kamagra Soft Viagra gebruiksaanwijzing Lida Afslankingskoffie Viagra kopen Cialis en ligne Viagra vs Cialis Acheter Viagra Original Acheter Generic Viagra Soft Acheter Kamagra Acheter Levitra Original Acheter Manforce
Sildenafil Priligy Cialis Jelly Cialis Original Generisk viagra 100mg Kamagra Soft Lovegra 100mg Kamagra oral jelly 100mg Generisk Viagra Kamagra Oral Jelly Kamagra Cialis Generisk Cialis Generisk Kamagra Jelly Viagra Professional Kamagra 100mg Levitra 20mg Kamagra oral jelly 100mg Cialis Super Active Viagra Jelly
Erfahrungen Levitra Original Viagra Cialis Kaufen Cialis billig Lida kundenrezensionen Herren-Apotheke Online Lovegra kaufen Lovegra günstig Cialis oder Viagra Gegen Rauchen Viagra ohne Rezept Schlankheitsmittel Kamagra Brausetabletten kaufen Viagra pille Cialis Tadalafil Viagra rezeptfrei kaufen Cialis rezeptfrei Erfahrungen Viagra Generka Levitra rezeptfrei kaufen Kamagra Oral Jelly kaufen Kaufen Kamagra
Levitra bestellen Kamagra Jelly Viagra Professional kaufen Cialis Super Active kaufen Cialis Jelly Priligy bestellen Levitra Soft Lida Schlankheitstee Kamagra Brausetabletten viagra schweiz cialis kaufen Cialis Professional Cialis Soft Priligy Dapoxetin Viagra Generika Propecia kaufen Propecia Generika Viagra Soft kaufen LIDA Dai dai hua sildenafil kaufen