TRADIDANÇAS, festival de tradições, música e dança ocupará o vazio deixado pela deslocalização do Andanças

O concelho de S. Pedro do Sul recebe em julho um festival de música, dança e tradições

TRADIDANÇAS, este festival de tradições, música e dança, erguendo-se na comunhão de vários saberes, costumes, heranças e sabores, significa a união, envolta pela música, entre as tradições e as danças personificando as gentes, serras, montes e vales do nosso território.

De acordo com o presidente da União de Freguesias de Carvalhais e Candal, José Carlos Almeida, com a deslocalização do Festival Andanças em 2011, que durante 15 anos decorreu em Carvalhais, começou a pensar-se na recuperação da tradição de um festival para este território.

“Com a saída do Andanças ficou um vazio na região e em Carvalhais, mas logo depois surgiu a ideia de um evento para vir ocupar o espaço temporal e físico. O TRADIDANÇAS pretende ser um festival de tradições, música e dança, em que as pessoas que cá venham levem o que de melhor há no nosso território”, justificou.

O Festival TRADIDANÇAS está agendado para os dias 20, 21, 22 e 23 de julho, decorrendo em Carvalhais e Candal, para além de contar com algumas iniciativas na Serra da Arada.

Durante a apresentação, o autarca sublinhou que o TRADIDANÇAS pretende ser um festival diferenciador e inovador, de cariz tradicional, mas também étnico, para um público mais abrangente.

“O investimento ronda os 30 mil euros. Começamos por aí, mas se tivermos reciprocidade do público e conseguirmos pelo menos pagar o festival, para o ano dará para arriscar um pouco mais”, referiu.

Para a vereadora da Câmara de S. Pedro do Sul Teresa Sobrinho, este novo projeto tem a particularidade de funcionar como uma mostra do melhor do concelho em termos de tradições e até de concelhos vizinhos, que serão chamados a participar.

“O TRADIDANÇAS não é possível replicar em mais nenhum lugar do país, pois são as nossas tradições. Interessa-nos divulgar as nossas tradições, com as pessoas a experienciarem o que temos de melhor e levarem isso nas suas memórias, para quererem voltar no ano a seguir”, sustentou.

O evento de quatro dias terá como atividades principais as oficinas, bailes, concertos e DJ e como atividades secundárias os ‘workshops’, animação, exposições e expositores, contando ainda com passeios de BTT e de todo-o-terreno. A animação estará a cargo do Teatro Hábitos, de Nelas.

Em palco estarão os The Greyhound Jame’s Band, Galo Canta’às Duas, Tranglomango com cantares de Sobral Pinho, Tresor & Bosxh, Blasted Mechanism, Olive Tree Dance, Second Sunrise, Nils Mensel, Fora da Lei, Dj The Boss& Dj Miguel Rodrigues.

No que toca a parte gastronómica, marcarão presença quatro restaurantes e oito tasquinhas do concelho.

O preço do bilhete terá um custo acessível, com a entrada a ser gratuita no último dia do Festival.

 

O Festival TRADIDANÇAS é organizado pela ATASA – Associação Turística e Agrícola da Serra da Arada, em conjunto com a União de Freguesia de Carvalhais e Candal, grupo de intervenção cultural Espíritos Inquietos e Município de São Pedro do Sul.

 

 

Programação

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.