João Gralheiro

The small is beautiful

Ed681_DrGralheiroLafões tem sofrido um fortíssimo processo de desertificação humana, na origem do qual poderemos descortinar fatores exógenos, como uma concertada política de litoralização do país, roubando ao interior instrumentos fundamentais da sua afirmação num estado que se deseja descentralizado e próximo das populações, e endógenos, como uma incapacidade para fixar população, através de políticas de desenvolvimento local.

Como é expectável, para grandes problemas esperam-se grandes soluções.

Nesse sentido, a sociedade civil organiza-se em fóruns onde estas questões são debatidas, na esperança de se descobrirem os caminhos que sustenham este processo, sendo bem-vindos todos os contributos.

Nesse espírito partilho convosco o que pude vivenciar no concelho vizinho de Arouca. Aqui, a Câmara Municipal promoveu a instalação de um percurso pedonal denominado de Passadiço do Paiva. São cerca de 8km de um trajeto pedonal que acompanha, em quase toda a sua extensão, o Rio Paiva, desde a Espiunca até à Praia do Areinho, parte substancial numa estrutura de madeira erigida na margem esquerda daquele rio.

Posso testemunhar que me cruzei com várias centenas de pessoas, algumas das quais integrando famílias onde 3 gerações se lançavam na descoberta das maravilhosas paisagens e do contacto com a natureza no seu estado mais puro.

Depois daquela experiência o corpo pede alimento e por isso, posso também testemunhar que em conversas ocasionais que mantive com empresários locais da restauração a opinião que me transmitiram foi unânime: após a inauguração têm vindo a verificar um assinalável aumento dos serviços que prestam.

Afinal há pequenas obras que despoletam fatores multiplicadores nas economias locais.

Não caiamos na tentação de sonharmos tão alto que o calor do sol derreta as asas das nossas ícaras descobertas.Redação Gazeta da Beira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.