Em Foco 271

Ação Católica Rural alerta para necessidade de ordenamento e gestão florestal para prevenir incêndios devastadores

• Redação

Na sequência dos trágicos incêndios que assolaram vários concelhos da região Centro, com particular gravidade para o que ocorreu em Pedrógão Grande com a morte de 64 pessoas, o Conselho Nacional da Ação Católica Rural (ACR) alertou para a necessidade de apostar no “ordenamento e gestão florestal”, prevenindo assim futuras tragédias ligadas a incêndios.

O organismo da Igreja mostra-se solidário com “as vítimas dos incêndios que ciclicamente assolam o país” e assume a responsabilidade de “fazer uma campanha com vista a sensibilizar para o ordenamento e gestão florestal, em especial, ao redor das povoações”.

O tema esteve em debate no Conselho Nacional da ACR, reunido em Albergaria-a-Velha com os representantes das dioceses de Aveiro, Braga, Coimbra, Funchal, Guarda, Leiria-Fátima, Lisboa, Porto, Santarém, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.

Durante a corrente semana, também o Parlamento debaterá na especialidade os diplomas do chamado Pacote Florestal, cinco dos quais apresentados pelo Governo e três pelo Bloco de Esquerda.

Em causa está o Regime Jurídico de Arborização e Rearborização que define as regras do ordenamento florestal e as condições das ações florestais, nomeadamente se continuará ou não em vigor a chamada “liberalização da plantação do eucalipto”, aprovada, em 2013, pela então ministra da Agricultura, Assunção Cristas.

Para além daquela lei, a Assembleia da República vai tomar decisões sobre a elaboração do cadastro dos prédios rústicos e a criação do Banco de Terras. Entretanto, o BE anunciou que requereu o debate e votação no Parlamento do decreto lei que criou as Entidades de Gestão Florestal. O Bloco crítica este diploma do Governo por considerar que expropria os pequenos proprietários florestais da gestão das suas terras e concentra-as em empresas dominadas por fundos financeiros.

A votação final dos diplomas do Pacote Florestal terá lugar no próximo dia 19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.