“Eleitos municipais deviam ter descontos nos tratamentos termais”

Sugestão partiu da bancada social-democrata, na última Assembleia Municipal

António Lopes Ribeiro defendeu na última Assembleia que os deputados municipais deveriam ter descontos nos tratamentos termais. Uma forma de, como explicou, sensibilizar os eleitos para a temática, para que assim possam promover melhor a estância termal e levar o nome das Termas de S. Pedro Sul mais longe. Esta sugestão surgiu quando eram discutidos os dois pacotes, recentemente, lançados pelo município que preveem descontos para idosos e para as IPSS. Ora, António Lopes Ribeiro defende os mesmos descontos para os eleitos sampedrenses.

Vítor Figueiredo reagiu com ironia. “Porque é que não apresenta antes uma proposta para visitar a ETAR? Nós vamos ver o lixo, vamos ver o esterco e depois, então, vamos ter os tratamentos à pala”. O Presidente da Câmara reforçou, ainda, que, independentemente da oferta dos tratamentos é obrigação dos eleitos promover S. Pedro do Sul. Também Pedro Mouro interveio sobre o assunto. O vereador com o pelouro das Termas não concordou com a sugestão vinda da bancada social-democrata, mas desafiou o deputado António Lopes Ribeiro a apresentar uma proposta concreta para ser votada na Assembleia Municipal.Redação Gazeta da Beira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.