Curso de água nasce na serra da Arada

Verdes querem esclarecimentos sobre descargas poluentes no rio Paivó

O Deputado José Luís Ferreira, do Grupo Parlamentar Os Verdes, entregou na Assembleia da República uma pergunta em que questiona o Governo, através do Ministério do Ambiente sobre descargas de efluentes, recentemente, no rio Paivó, em área classificada da Rede Natura 2000.

O rio Paivó é um curso de água que nasce na serra da Arada, ainda no lado de São Pedro do Sul, e desagua no Rio Paiva nas proximidades da Aldeia de Paradinha, concelho de Arouca. Este curso de água, com uma importância ambiental, patrimonial e paisagísticas assinaláveis, integra o Sítio Rio Paiva, área classificada da Rede Natura 2000.

“Este rio, que no período estival é muito procurado por banhistas pelas suas águas transparentes e frescas, foi assolado, no passado dia 14 de dezembro, alegadamente por descargas de efluentes, numa área em que residem poucas pessoas e onde as atividades económicas, nomeadamente agrícolas são escassas”, explicam os Verdes que acrescentam que “segundo a população local, que denunciou este episódio de poluição à comunicação social, com registos fotográficos, as águas que costumam ser cristalinas, apresentavam cores a variar entre o cinzento e o esverdeado forte”.

O partido explica, ainda, que “embora a população tenha constatado a anormal cor das águas do Paivó, alegadamente em resultado de descargas poluentes, os moradores não percecionaram a origem destes efluentes, presumindo que as descargas tenham ocorrido na parte da bacia hidrográfica pertencente ao município de São Pedro do Sul”.

Sendo assim, o partido exige respostas: “sendo esta uma situação reincidente, de acordo com a população, é de extrema importância identificar a origem e resolver este problema de poluição que atinge um dos rios mais límpidos do país, inserido numa área protegida, que para além da importância ambiental, atrai muitos turistas de natureza”, resume.Redação Gazeta da Beira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.