Bioparque de S. Pedro do Sul, volta a ser o escolhido

Acampamento de jovens do BE, entre 25 a 30 de julho

 

ed657-p20_bioparqueMúsica, debates, workshops, plenários, cinema, teatros, danças… vem aí o 11º acampamento do Bloco de Esquerda, mais uma vez, em São Pedro do Sul. Como já é tradição, o local escolhido foi o Bioparque em Carvalhais. Seis dias de festa em que são esperadas na cidade termal, como indica o coordenador do Núcleo de Lafões do Bloco de Esquerda, “largas centenas de pessoas”.

Para Pedro Coutinho, é muito positivo para São Pedro do Sul receber o Acampamento de Jovens do Bloco, “uma inciativa com impacto a nível nacional” que, como refere, é uma forma de, “através da política, fazer, também, uma promoção turística”.

O acampamento, “Liberdade 2014” está aberto “a todos os que queiram participar”.  Pedro Coutinho destaca o papel ativo que todos vão ter no acampamento. Como defende, “o acampamento vai ser autogerido, ou seja, todos têm uma palavra a dizer”.  Um dos pontos mais importantes, na ótica do Coordenador do BE, em Lafões,  são os debates  que pretendem ser “livres e plurais e sem restrição de tema”. Os temas não vão ser previamente escolhidos, “cada um pode falar daquilo que quiser, de acordo com os seus interesses e experiências… tanto podemos falar da privatização do ensino, da austeridade, como da violência doméstica”, explica Pedro Coutinho.

A “Liberdade 2014” é um acampamento cultural e político que, como adianta a organização,  quer “ser um espaço de partilha de ideias e experiências, para viver e pensar as mudanças e as transformações que queremos ser e ver no mundo”. Um acampamento que promete dinamizar Carvalhais, no próximo mês, entre os dias 25 e 30 de julho.Redação Gazeta da Beira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.