Assinado auto de consignação para a construção da ETAR Sul de Sever do Vouga

705_sv_etar1

A Câmara Municipal de Sever do Vouga e a ADRA – Águas da Região de Aveiro, SA procederam ontem à assinatura do auto de consignação da conceção-construção da ETAR Sul de Sever do Vouga com o consórcio Tecnorém/Inovaqua, responsável pela concretização da obra.

A assinatura do auto de consignação marcou também o arranque da contrução da ETAR Sul de Sever do Vouga, um investimento de cerca de 2,5 milhões de euros que irá servir cerca de 90% da população do concelho.

O Presidente da Câmara Municipal de Sever do Vouga, António Coutinho, sublinhou a importância desta infraestrutura para a qualidade de vida das populações do concelho, apesar de alguns atrasos verificados no seu arranque. Com a entrada em funcionamento da ETAR Sul de Sever do Vouga o concelho vai atingir a média nacional quanto à taxa de cobertura de saneamento e irá resolver alguns problemas registados atualmente na ETAR de Sever do Vouga através da construção de uma estação elevatória e consequente reencaminhamento dos efluentes para a nova ETAR.

O autarca de Sever do Vouga destacou ainda o importante papel da ADRA para que esta obra fosse uma realidade, assim como a modernização das redes de água e saneamento do concelho, pois o município sozinho não teria capacidade financeira para concretizar estas infraestruturas.

A conceção-construção da ETAR Sul de Sever do Vouga representa um investimento da AdRA – Águas da Região de Aveiro, S.A. de cerca de 2,5 milhões de euros e tem um prazo de execução de 360 dias.

Esta estação de tratamento de águas residuais, localizada no lugar de Sóligo, freguesia de Pessegueiro do Vouga, irá servir a quase totalidade da população do concelho de Sever do Vouga (com exceção da freguesia de Talhadas), correspondente a cerca de 11 mil habitantes.

Esta empreitada foi adjudicada ao consórcio “TECNORÉM – Engenharia e Construções, S.A. / INOVAQUA – Engenharia e Ambiente, Lda.”, com o prazo de execução de 730 dias, correspondendo metade (365 dias) a fase de construção e os últimos (365 dias) à fase de arranque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.