Assembleia Municipal de Viseu exigiu a reabertura da 2ª Repartição de Finanças na cidade

• Texto de Fernando Morgado

A Assembleia Municipal de Viseu aprovou uma moção a exigir a reabertura e com carácter muito urgente da 2ª Repartição de Finanças na cidade e que foi encerrada. A moção foi apresentada pela Deputada da CDU – Filomena Pires – e foi aprovada com uma abstenção. A 2ª Repartição de Finanças de Viseu foi encerrada em 2010 e tem prejudicado a cidade e os cidadãos e hoje a realidade está bem patente e mostra-nos filas de pessoas no interior das instalações que albergou as duas repartições, a 1ª e a 2ª e à porta da Repartição de Finanças de Viseu, contribuintes desesperam pela sua vez para serem atendidos e tratar dos seus assuntos fiscais. Importa referir aqui o brio profissional dos funcionários ao serviço, impotentes para poderem dar resposta eficaz ao grande volume de serviços com que se deparam. É de louvar tais funcionários ao nosso serviço, ao serviço de todos os contribuintes. Perante tal realidade comprovada deverá ser proposto ao Governo a reabertura da 2ª RF de Viseu, com muita urgência e a C. M. de Viseu tem de dialogar e propôr, para ser encontrada uma solução para a instalação do serviço ao público. Além da reabertura da 2ª RF de Viseu, é igualmente necessário e urgente um reajustamento de pessoal, pois o quadro não está completo e este será também um dos grandes problemas. Esta moção aprovada pela AMV foi enviada ao 1º Ministro, ao Ministro das Finanças e aos Grupos Parlamentares na Assembleia da República.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.